Por que se usa aliança no dedo anelar?

Conheça diferentes teorias sobre porque usamos alianças no quarto dedo da mão esquerda!

Desde há muito tempo existe a tradição de que alianças entre marido e mulher devem ser usadas no quarto dedo da mão esquerda. Afinal, não é a toa que esse dedo é chamado de “anelar”. Assim que a tradição surgiu – no final do século XVIII – apenas a mulher usava a aliança. A partir do século XIX, a tradição se estendeu também aos homens. Mas qual será a razão pela qual usamos a aliança no dedo anelar? Existem diferentes teorias que explicam, e cada uma delas apresenta um raciocínio bem interessante. Confira só e entenda!

Os egípcios teriam sido os primeiros a usar aliança no dedo anelar:

Alguns estudos relatam que, talvez, muito antes da cultura chegar à Europa, os egípcios já utilizavam uma espécie de fita amarrada ao dedo anelar esquerdo para formalizar a união entre marido e mulher. Como muitos sabem, o povo egípcio realizou grandes descobertas sobre o corpo humano a partir das práticas de mumificações. Há teorias e relatos escritos que dizem que, em um desses estudos, descobriu-se uma veia que estaria ligada ao coração a partir do dedo anelar esquerdo.

Depois dessa descoberta, o povo egípcio teria passado a usar fitas para representar a união dos corações dos cônjuges. Dessa forma, seus corações estariam ligados para sempre. Quando esse simbolismo chegou à Europa, escritores e filósofos passaram a usar termos como Vena Amoris para se referir à “veia do amor”, que ligava os corações dos amados até que a morte os separasse.

dedo-anelar2

Hoje em dia, tem-se o pleno conhecimento de que todos os dedos apresentam veias ligadas diretamente ao coração. Porém, na época, acredita-se que os egípcios tinham o conhecimento apenas da veia do quarto dedo da mão esquerda. A tradição se firmou e não mudou nunca mais.

A teoria chinesa

Outra teoria bem interessante sobre por que usar aliança no dedo anelar segue uma tradição chinesa. Segundo ela, cada dedo da mão representa um membro da família. O polegar simbolizaria os pais, enquanto o dedo indicador representaria os irmãos, o médio, você mesmo e o mindinho, seus filhos. O anelar, por sua vez, representaria seu cônjuge. Mas por que os dedos seguem essa ordem de representação?

Basta testar a teoria para entender! Posicionando as palmas das duas mãos e unindo os dedos com suas pontas– exceto pelos médios, que devem estar dobrados – você poderá constatar que todos eles podem ser separados facilmente, menos os dedos anelares. Isso porque, tanto seus pais quanto seus filhos e irmãos podem desenvolver vidas independentes às suas, e já que os dedos médios representam a sua própria vida, eles estão dobrados e não contam. Agora, os amados, quando unidos, nunca se separam, pois uma vida dependa da outra.

dedo-anelar1

Segundo a tradição chinesa, o uso da aliança no quarto dedo da mão esquerda seria advindo dessa crença. A aliança no dedo anelar representaria uma união inquebrável e inseparável.

União e submissão

Essas são as principais teorias que explicam o uso da aliança no dedo anelar esquerdo. Há ainda a ideia de que, desde muito tempo, a mão direita representava dominação, enquanto a esquerda representava submissão. Como, no início, apenas as mulheres utilizavam aliança, tem-se a ideia de que era uma forma de oficializar a união, representando a submissão da mulher ao homem.

Depois de um tempo, o homem também foi introduzido na tradição e, como a mulher, passou a usar a aliança no quarto dedo da mão esquerda. Com isso, passou-se a crer que, em uma união, tanto o homem quanto a mulher devem se submeter, de vez em quando. A união representa amor, e amor significa ceder em alguns momentos. Portanto, tanto o homem quanto a mulher deveriam se submeter ao outro, em diferentes situações.

dedo-anelar4-jpg

Por que usar aliança na mão esquerda?

Ainda, a escolha do lado esquerdo, com certeza, não foi ao acaso. Desde que se descobriu que o coração ficava do lado esquerdo, a aliança passou a ocupar seu lado. Desde sempre há o simbolismo da união a partir do coração que, até então, acreditava-se ser o principal órgão do corpo, responsável pelos sentimentos e fonte de vida. Hoje, sabe-se que tanto as emoções quanto a própria vida são coordenadas pelo cérebro, mas o simbolismo continuou devido a tradição.

dedo-anelar3-jpg

Acima de tudo, a aliança no dedo anelar significa assumir um compromisso com uma pessoa amada. Todas as teorias e tradições só representam o símbolo do amor que deve ligar duas pessoas. O mais importante é o amor em atitudes e ações, não acha?

 

Deixe uma resposta